apoio ao doente

toda a informação

e apoio que precisa

 

A doença veno-oclusiva hepática é uma complicação do regime de condicionamento, sendo o risco maior em regimes mieloblativos, caracteriza-se pela oclusão das veias do fígado, ou seja, as paredes dos vasos hepáticos dilatam-se, acumula-se fibrina no interior desses pequenos vasos, impedindo a circulação normal no fígado, podendo mesmo bloquear as pequenas veias hepáticas. Disto resulta aumento de peso por retenção de água no corpo, edemas e ascite (líquido na cavidade abdominal). Os doentes ficam com icterícia porque a drenagem da bílis está também dificultada. Nas formas mais graves, pode resultar uma alteração acentuada da função hepática. O tratamento visa aliviar os sintomas, reduzir o inchaço e a ascite, enquanto o fígado se vai regenerando a si próprio.

 

artigos relacionados

comente